5

Resposta ao desafio da Imagem

Posted by Kbeça on 31 de janeiro de 2012 00:05 in , , , ,
Finalmente, depois de eras, vou responder ao desafio da Nanda.

A inspiração veio de um pesadelo que tive esta noite. Apesar de ter sido um pesadelo para mim espero que gostem.

Junior acordou sentindo calor. Abriu os olhos devagar e viu-se deitado em uma confortável poltrona num luxuoso iate. Usava roupas caras, relógio de ouro, tênis de marca, o quê será que estava acontecendo? Quando se deparou com uma mulher muito bonita, semi-nua, tomando sol a sua frente. Seu queixo caiu. Balbuciou alguma coisa, quando a moça olhou para ele e falou:
- Acordou querido?
Sem a menor vergonha, ou preocupação, a moça levantou-se e veio andando em sua direção. Se abaixou para beija-lo.  Junior sabia que eram namorados, mas mesmo assim fechou os olhos com força, virou o rosto e pensou "meu Deus, onde está Duska?", esperando pela reação da moça. Não havendo nada por alguns segundos, decidiu abrir os olhos. Desta vez se encontrava em um suntuoso salão, sentado a mesa de uma farta e longa mesa, cheia de convidados bem vestidos. Ao fundo uma loira sensual lhe dirigia um sorriso. Ela era muito bonita e elegante e Junior sabia que ela era sua noiva.
- Vamos, amor. Apague a velhinha para que seu desejo se realize.- Disse ela para ele.
Foi quando ele reparou que todos o olhavam com um sorriso e a sua frente havia um bolo com um vela. Ficou nervoso. Olhou em volta procurando sua verdadeira amada, sem acha-la. Sentiu-se tonto, desorientado e caindo. Quando bateu no chão, despertou sobressaltado em uma cama, macia com lençóis sedosos. Uma mão feminina lhe acariciou o peito. Mesmo sem olhar sabia que se tratava de uma amante.
- Está tá tudo bem, bebê? - Falou uma ruiva, que mais parecia uma atriz de Hollywood. - Vou buscar um copo d'água para você. - Ela se levantou e saiu do quarto.
Ainda atordoado,  Junior levantou-se correndo e foi atrás dela. Seu cérebro à mil. Com um único pensamento em looping "onde está Duska?".
A casa se parecia com a sua. Só mais arrumada e com itens mais caros que o normal. Quando chegou a cozinha, alguém estava atrás da porta da geladeira. Pensou "é ela" e abriu o seu melhor sorriso. Quando a porta da geladeira se fechou uma mulher negra elegantemente vestida com os dentes de comercial de pasta dental, sorriu para ele falando:
- Já de pé, docinho? Te acordei?
Ela veio andando até ele para abraça-lo. Junior já estava desesperado e pensou "Duska não existe, é só um sonho". Sabia que aquela mulher que o abraçava era a sua esposa, e começou a pensar, entre lágrimas, que a mulher que ele procurava insistentemente não era real. Quando ela o abraçou, Junior despertou.
Olhou a sua volta e reconheceu as paredes cinzas da tinta desgastada, seus moveis velhos e surrados do uso, sentiu a o colchão duro e pensou "finalmente, estou em casa" com um sorriso de satisfação nos lábios.
Seu coração disparou quando olhou para o lado e viu, dormindo calmamente, a mais bela mulher do mundo todo, deitada ali: Duska. Só ela tornava seu mundo mais bonito, mais animado, mais rico e confortável. Só ela preenchia seu coração de amor e sustentava seu melhor sorriso. Se aproximou dela, abraçou-a forte e sussurrou em seu ouvido:
- Te amo.
Ela ainda grogue de sono, respondeu um "também" sonolento e embolado, aninhou-se no seu abraço e voltou a dormir. Só então Junior pôde dormir tranquilamente sabendo que ela era real.

|
Gostou?

5 comentários:

  1. ti lindu, Kbeça. tb te amo.
    so tenho 1 coisa pra dizer: nhá!

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Vamos combinar Kbeça, esse sonho só podia ser seu, desesperado por encontrar a Nanda!
    Adorei o texto, muito criativo.
    Nanda, adoro esse nhá!

    ResponderExcluir

Comenta aê!

Copyright © 2009 Retalhos Assimétricos All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive.